Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

amulherqueamalivros

Sex | 23.11.18

3 Livros Fabulosos Que Eu Amei

Cláudia Oliveira

SquarePic_20181123_15223191.jpg

 

O Pai da Menina Morta, Tiago Ferro (comprar livro)

O autor é editor e escritor brasileiro. Um dos fundadores da editora de e-books e-galáxia e da revista de ensaios Peixe-elétrico.

Este título é o seu primeiro romance. E tenho de dizer que é um livro extremamente triste, não fosse a perda de um filho uma das maiores tragédias da vida. O autor agarrou na sua história pessoal, a perda da sua filha devido a uma gripe, e transformou-a num texto sofrido, como forma de ultrapassar o luto interminável. Fá-lo de forma lírica,  e ao mesmo tempo, crua. Foi uma experiência de leitura angustiante. Adorei e super recomendo. 

 

Laços, D. Starnone (comprar livro)

Este livro fez imenso sucesso lá fora porque suspeita-se que o autor é o marido da nossa Elena Ferrante. E sendo uma história de divórcio, tem muitas semelhanças com a novela Os Dias de Abandono (integra o livro Crónicas do Mal de Amor). Aliás, ele é casado com a mulher que os jornalistas apontam como sendo a Elena Ferrante.

Este livro apesar de pequeno é extremamente intenso pelo turbilhão de emoções descritas. Está dividido em três capítulos, cada um com uma voz narrativa. Adianto que a primeira voz narrativa é uma mulher traída pelo marido após muitos anos de casamento e dois filhos em comum. Cartas de desespero que me fizeram sentir totalmente desconfortável. Os capitulos seguintes trazem informações e um desfecho fantástico. Leiam, não se vão arrepender. É maravilhoso! Agradeço à Mónica a recomendação. 

 

O Som e a Fúria, William Faulkner (comprar livro)

Leitura para o Clube dos Clássicos Vivos. Foi o livro mais desafiante deste ano. Umas das melhores experiência de leitura da vida. 

Conta a história da tragédia da família Compson, através de vários elementos e voz narrativas distintas. O primeiro capitulo é do ponto de vista do Benjy, um homem com problemas cognitivos. É o capítulo mais difícil que alguma vez li na vida, mas valeu cada segundo de dedicação.

Este livro é incrível por vários motivos. A escrita, as personagens, a envolvência. Livraço! Arrisquem, sem medo.