Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



SOU LEITORA BETA CONTACTE-ME PARA AVALIAÇÃO contactoclaudiaoliveira@gmail.com

BREVEMENTE

Resultado de imagem para mario de carvalho novidade porto editora  Cronovelemas






CLUBE DOS CLÁSSICOS VIVOS

Resultado de imagem para a ilustracasa de ramires asa eça

AGRADECIMENTOS E OUTROS BRINDES

por Cláudia Oliveira, em 17.11.17

17883923_738369239676988_8420532579392143332_n.png

 

Mais um aniversário.

 

Agradeço a companhia, as palavras que circulam e nos ligam através de uma linha invisível. Extremamente grata por ver um blog dedicado à literatura crescer com novos leitores e acrescentar na vida de alguns. Sobretudo às pessoas que se instalaram na minha vida para a melhorar os meus dias. Sem esquecer quem passa e no silêncio continua a passar.

 

Sempre me disseram que os livros não suscitavam interesse por parte do público, não podia com um blog atravessar limites ou dar azo à criatividade. Ler e escrever sobre livros é tão monótono, repetem as vozes. Basta ler e escrever. Ler e escrever. Foi totalmente o oposto. Foi um ano cheio de tanto que precisei muitas vezes de parar, respirar fundo e pensar: isto está a acontecer? Está.

 

Os livros podem transformar e trazer o que só o conhecimento traz. São a base para uma sociedade informada, qualificada, determinada e disposta a debater ideias.  Melhor, portanto. Eu acredito no poder da literatura.

 

Posso garantir a minha contínua satisfação com tudo o que faço no blog e no respetivo canal. Posso garantir o meu enorme entusiasmo diário com todo o conteúdo que produzo e aprendo. Adoro cada momento que dedico aos meus textos e vídeos. Adoro cada e-mail ou mensagem onde me dizem: comecei a ler por causa de ti. Obrigada.

 

Este ano tive direito à evolução, aos méritos e aos resultados que pretendia. Este ano foi um ou dois degraus no caminho que pretendo continuar a percorrer e quero chegar. Assumidamente quero trabalhar para os livros, pela literatura. Sendo necessário um desempenho de coração e alma. Dedicação e muito trabalho. 

 

No próximo ano pretendo focar-me no trabalho e no estudo de forma a garantir qualidade e crescimento pessoal e profissional. Na verdade, levo este trabalho muito a sério e não me lembro quando deixou de ser uma brincadeira por amor aos livros. Não é. Tenho a sorte de trabalhar neste projeto enquanto transmito o amor e respeito pelos livros e escritores.

 

Há uma enorme tendência em enaltecer a literatura portuguesa e trabalhar no sentido de divulgar mais. Tapar uma frecha a nível da publicidade e marketing em relação aos nossos. Recuperar os clássicos e leitores. Criar novas formas de viver a literatura. Vamos, caros leitores. Não vamos deixar os livros morrerem no ruído dos tempos modernos.

 

Estou extremamente confiante num futuro com mais leitores e novos escritores. Obrigada também às editoras que apostaram na ligação e partilha. Sem esquecer, obrigada à Sapo que me acolhe desde sempre com muito carinho e me inspira permanentemente.  

 

share_256_171117134202.png

 

goodreads twitter instagram facebook 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

ALERTA CANAL NOVO NO BOOKTUBE

por Cláudia Oliveira, em 09.10.17

Quem foi ao último encontro do clube dos clássicos vivos vai reconhecer. É a Sónia! Criou um blog e canal sobre livros. Mais uma das nossas. Visitem, subscrevam, digam olá à Sónia. O blog é A Livraria Imperfeita, podem ver AQUI.

 

Quando o meu marido me pergunta quem é a Sónia a minha resposta é sempre esta. "É uma ex colega de escola que lê imenso e eu sempre admirei pelo seu gosto literário". Via várias vezes a Sónia na escola com um livro na mão e pensava: quero ser tua amiga! Quando hoje me disse que criou um canal e blog inspirado nas meninas do Clube dos Clássicos Vivos não podia ter ficado mais feliz. 

 

É isto que faz sentido. Ver mais pessoas a escrever e falar de livros. Obrigada Sónia por esta novidade tão boa. Sê bem vinda ao booktube. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

SER BOOKTUBER É MAIS OU MENOS ISTO (PARÓDIA)

por Cláudia Oliveira, em 09.10.17

É um vídeo descontraido sobre o que é isto de ser booktuber. Adorei criar este vídeo.  Sério, estou muito empolgada para verem e me darem o vosso feedback. Espero que gostem! 

 

goodreads twitter instagram facebook

Autoria e outros dados (tags, etc)

tempImage.jpg

 

Trago boas notícias!

 

A partir do dia 14 de Outubro podes fazer uma colecção de livros com o jornal Expresso, Clássicos de Sempre. A caixa arquivadora vem com o primeiro livro. São todos títulos de autores portugueses, cada um com prefácio que ajuda a contextualizar a obra. No total, são oferecidos 9 livros. E começa com Eça de Queirós, "Alves &Cª" com prefácio de Maria Filomena Mónica.

 

A lista com os títulos e datas é a seguinte:

 

14 de Outubro |  "Alves &Cª", de Eça de Queirós

21 de Outubro | "Coração, Cabeça e Estômago", de Camilo Castelo Branco

28 de Outubro | Sonetos |Antero de Quental

4 de Novebro | "Alto da Barca do Inverno" | Gil Vicente

11 de Novembro | Sonetos | Camões

18 de Novembro | Padre António Vieira | Sermões

25 de Novembro | Poesia Erótica | Bocage

1 de Dezembro | Frei Luís de Sousa | Almeida Garrett

8 de Dezembro | Poesia | Florbela Espanca 

 

 

Fiquei super feliz com esta notícia porque tem títulos que me interessam imenso. Partilha a novidade com os teus amigos leitores, vão adorar saber também. 

 

Fica o alerta para o projeto "Ler os Nossos" em Novembro. Aproveita. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

PRECISO DE FALAR SOBRE ISTO

por Cláudia Oliveira, em 26.09.17

 

 

Tinha de deitar cá para fora. Já começa a chatear. 

goodreads twitter instagram facebook

Autoria e outros dados (tags, etc)

NOVAS PROPOSTAS LITERÁRIAS | SETEMBRO

por Cláudia Oliveira, em 13.09.17

 

 

"Doutor Finanças" já está na minha mesa de cabeceira e não vejo a hora de aprender mais uns truques financeiros. É o último lançamento da editora Matéria Prima. Dan Brown regressa com o calhamaço "Origem" numa edição de capa dura da Bertrand Editora. Vem a Portugal brevemente (podem ler a notícia AQUI). Vou estar presente para partilhar tudo com os leitores deste blogue e seguidores do canal YouTube "A Mulher que Ama Livros". Não percam! Javier Marías, um escritor que muito aprecio vai lançar mais um título pela Alfaguara. O conhecido autor do best seller "A Bibliotecária de Auschwitz", Antonio Iturbe, é o autor do recente romance "Céu Aberto". A Wook está a oferecer o seu grande sucesso na compra deste lançamento da Planeta (clica na imagem acima para aproveitares a campanha). O japonês Haruki Murakami foi novamente traduzido em Portugal, o seu mais recente livro chama-se  "Homens sem Mulheres". "A Estrada Subterrânea" tem uma sinopse mega interessante, para além disso foi vencedor do Prémio Pulitzer. Um prémio que normalmente não desilude.  

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

 

Escrevo desde os oito. Escrevi três livrinhos. O diário do André (inspirado nos diários de Adrian Mole), a história da Inês e outro inacabado cujo o nome da protagonista não interessa. Pedi uma máquina de escrever com nove anos e ainda a guardo no quarto com carinho. Enquanto não descobri a literatura pensei ser uma possível escritora. Pensei ter qualidades, maturidade e noção de todas as características para um romance. Fui para a escola, sonhava através das composições com mundos imaginários muito elogiados pelo professor careca de português. Gabava tanto a minha criatividade que passei a acreditar fortemente que tinha um talento. Escrevi uma peça de teatro representada diante da escola pela turma, subi ao palco com um ramo de flores. Os testes psicotécnicos sugeriram uma profissão ligada às humanidades. Nasceu um desejo na minha vida: ser escritora. E dizia a toda a gente. Sem vergonha, com os olhos brilhantes. Escrevi várias vezes esse sonho em todos os blogues que tive (desde 2006). Nos meus diários pessoais. Entre amigos, família. Queria ser escritora. Cheguei a participar em alguns concursos literários.

 

Cresci, infelizmente. A ingenuidade deu lugar à realidade. Conheci a literatura através dos russos e apaguei esse desejo porque não tenho nada para acrescentar. Não vou fazer a diferença. Quanto mais leio boa literatura mais tenho certeza que não passa de um sonho doido. O talento tem outro nome. Nomes gigantes. E para fazer igual ao que continuo a criticar prefiro manter-me afastada enquanto "o músculo da escrita" não é forte o suficiente. Nunca será, nunca terei a habilidade dos mestres. No entanto, o mercado parece ter espaço para todos. Um mercado que achava limitado ao talento, acabou por estender-se às estrelas, youtubers, actrizes cozinheiras, apresentadoras fit, apresentadoras românticas, etc...Não é com desdém que digo isto, só quero dizer que se calhar não é impossível editar um livro no mundo moderno. Ou auto publicar. Leio livros que são considerados os preferidos de muitas pessoas e repenso, consigo escrever um bocadinho melhor. Afinal uma das super dicas dos escritores é: leia muito. Eu leio muito, posso escrever um livro? Não creio. No entanto não me imagino a desligar a luz dos meus sonhos enquanto baixo os olhos e digo: esquece. O amor pode ser a (minha) única motivação (e a quantidade enorme de pessoas no mundo também) e a realidade o meu maior obstáculo.

 

No fundo, sempre escrevi melhor no escuro e a minha vida agora tem muita luz. As palavras não escorrem imparáveis, nem o meu olhar tem distância suficiente para alcançar o absurdo de tudo isto.

 

Deixo algumas sugestões para aspirantes a escritores,

 

"Poquê Ler os Clássicos?", Italo Calvino

"A Arte de Escrever", Arthur Schopenhauer

"Cartas a Um Jovem Poeta", Rainer Maria Rilke

"Para Ler como Um Escritor", Francine Prose

Qualquer livro do Bukowski

Autoria e outros dados (tags, etc)

OS CLÁSSICOS ESTÃO VIVOS NA FEIRA DO LIVRO DE LISBOA

por Cláudia Oliveira, em 05.06.17

Munkee_0605125125.jpg

 

Ontem fui à Feira do Livro de Lisboa pela segunda vez este ano para o segundo encontro do Clube dos Clássicos Vivos. Aconteceu de manhã no jardim do Parque Eduardo VII depois de nos termos reunido no grupo Porto Editora. Agradeço a todos que acordaram cedo num domingo para falar de livros. Mais precisamente, no livro escolhido para estes meses, "A Boneca de Luxo", de Truman Capote.     

 

A discussão correu de forma positiva, foram debatidos vários temas dentro desta novela que eu própria desconhecia. Acabou por trazer outros pontos de vista e acrescentar mais profundidade ao livro. Confesso que não tinha ficado muito impressionada com o livro, mas acabei por ter vontade de dar outra oportunidade. As opiniões dividiram-se em relação a alguns aspectos, mas foi unânime em relação à experiência de leitura.  

 

No final tivemos um sorteio patrocinado pela editora Guerra & Paz. Foram sorteados três títulos clássicos da colecção que a editora tem vindo a editar com preços muito acessíveis. As capas fizeram muito sucesso e apesar de alguns membros já terem lido, a maioria ficou entusiasmada com o sorteio e os vencedores felizes por receberem os seus livros. Obrigada à editora! Também foram oferecidos lápis com a gravação do nome do clube. Queria dar uma lembrança diferente dos habituais marcadores. Talvez consiga ter mais surpresas nos próximos encontros. 

 

Depois do encontro trocámos outras ideias, anunciámos que o próximo clássico será um calhamaço para contrabalançar com a novela de Capote. Ao longo deste mês teremos nova votação. Se quiserem ser membro do clube podem ir através do Goodreads (CLICA  AQUI). Podem participar na próxima votação e até sugerir títulos. Existem discussões todos os meses entre os membros e acaba por ser muito dinâmico. 

 

Munkee_0605125041.jpg

Depois de almoço e muita conversa fomos dar um passeio. Infelizmente não consegui ir ao evento do Cury como estava previsto devido a uma má disposição (ainda estou para saber se foi uma intoxicação alimentar ou outra coisa qualquer) e só depois de recuperar é que fui espreitar o espaço. Ainda encontrei a querida e simpática escritora Maria Cecília do livro "História em Pedacinhos" que me deu um beijinho e abraço, e trocou algumas palavras cheias de boa disposição. Também fiz algumas compras e vi escritores em sessões de autógrafos. Fui ver de perto um escritor que admiro, o Agualusa. Não encontrei o Afonso Cruz, mas vi a Isabela Figueiredo, David Machado, Rui Zink (a passear), Alice Vieira,...

 

Adoro passear na feira e sentir-me perto dos escritores. Ver pessoas felizes a comprar livros. Revi várias bloggers, conheci várias pessoas (demorou mas foi!) e apesar do enorme calor sentia-me feliz. Cheuei a casa cansada, com o coração cheio, a transbordar. Aqui fica uma palavra de incentivo para a menina Sandra que está este ano a trabalhar, força!!! E um beijinho à Edite que tive muita pena de não ter conhecido. A quem foi ao encontro quero deixar a minha enorme gratidão! Os clássicos estão vivos! Não é fantástico? É com muita felicidade que vejo os clássicos serem lidos e discutidos com tanto entusiasmo. Não deixes de participar numa próxima oportunidade.   

 

Espero conseguir regressar antes de terminar para o último passeio. Ainda há tanto para ver e fazer na Feira do Livro de Lisboa. Não percam! Prometo que vão gostar. 

 

Munkee_0605125210.jpg

 

Munkee_0605125619.jpg

 Quanto às compras. Vamos lá. Dois livros na RA por cinco euros (duas autoras portuguesas) e a Elena Ferrante por dez euros (livro do dia, no dia 1 de junho). Na Tinta da China estava este livro lindo do Charles Dickens por dez euros (livro do dia). Impossível ele ficar lá. É a edição mais linda de sempre. Por fim, uma novidade da Quetzal, Mariana Enriquez. Na Presença comprei o livro de fantasia do Nix por 3.95€. Estou muito satisfeita com as minhas compras. 

 

 goodreads twitter instagram facebook

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

ATAQUE INFORMÁTICO

por Cláudia Oliveira, em 16.05.17

 

 

Este fim de semana fui à biblioteca. Não podia requisitar livros devido ao ataque informático. Estavam com segurança máxima, segundo a bibliotecária. Isso deixou-me a pensar. Na forma como a tecnologia nos faz bem e mal ao mesmo tempo. Como tudo tem o outro lado da moeda. Como somos seres humanos dependentes dos avanços tecnológicos e não temos um plano B para nada. 

 

Imaginem os piratas informáticos nas nossas vidas por mais tempo. Semanas, meses. Estaríamos prontos para encontrar no tradicional papel a solução ou ninguém está preparado para registar os livros dos leitores num quadrado minúsculo de papel reciclado? Teríamos canetas suficientes (e aqui estou a exagerar)? Saberíamos escrever sem correcção ortográfica sofisticada? Infelizmente muitos não saberiam escrever. Como seriam as pessoas sem poder requisitar livros? Muitos sobreviveriam, não dariam pelas portas fechadas das bibliotecas locais (aquelas sem papel, claro). Deixa-me tão triste. 

 

Quando um computador falha, sem salvação, foram-se as férias filmadas desde que os miúdos eram pequenos. Ou o dia do nascimento. E por isso, desde que nasceram, no momento de cantar os parabéns, não tiro fotos para mais tarde recordar. Até costumo dizer aos amigos e familiares presentes que as memórias querem-se connosco. E nisto sou teimosa. É como um ritual novo para aproveitar os momentos, não deixo escapar um sorriso dos meus filhos. E eles querem-me com as mãos livres, para os abraçar e afagar os cabelos. Não querem ver ecrãs de telemóvel em vez de rostos felizes. Aposto que não. Uso esta técnica em vários momentos. E não estou a dizer que eternizar um momento não é bom. Claro que é. Graças às fotos consigo ver as semelhanças entre os sorrisos deles. 

 

Isto do ataque informático deixa-me preocupada (mas consigo dormir na mesma). São os piratas dos tempos modernos que comandam o mundo. Os livros estão a salvo, venham os ebooks ou os audiobooks (esses nem pintados). E quem sabe escrever (sem erros) também. Lamento o rápido desabafo, juro que os meus pensamentos sobre o assunto foram longos e muito inteligentes. 

 

(este post não tem publicidade alguma, obviamente)

Autoria e outros dados (tags, etc)

O que mais gostamos de ler em blogues literários

por Cláudia Oliveira, em 24.01.17

 

Primeiro, o que são blogues literários?

São blogues dedicados à exposição de opiniões em relação às suas leituras. Não são necessariamente escritos por críticos literários ou especialistas em literatura. Se alguém tiver uma definição melhor deixe nos comentários.

 

- Opiniões com poucos detalhes

Os leitores não gostam de saber muitos pormenores dos livros que vão ler. Gostam de conhecer o enquadramento geral e as emoções passadas. Quanto menos, melhor.

 

- Desafios literários

Gostam de conhecer os desafios literários espalhados por aí e até participar em alguns. Sentem como um incentivo e uma forma de ler géneros normalmente deixados para segunda opção.

 

- TAGs

Sobretudo TAGs com conteúdo, com algumas dicas interessantes e temas pertinentes.

 

- Noticias e tópicos de discussão

Os leitores de blogues literários gostam de ter acesso a noticias rápidas e lançamentos. Gostam de estar informados das novidades.

 

- Aquisições

Compras literárias com uma leve nuance da sinopse.

 

- Listas

Listas diversas.

 

-  Conteúdo próprio e original

Personalidade do autor do blogue inserida no conteúdo do blogue assim como originalidade na criação de conteúdo. 

 

Alguma coisa a acrescentar?

Autoria e outros dados (tags, etc)



SOU LEITORA BETA CONTACTE-ME PARA AVALIAÇÃO contactoclaudiaoliveira@gmail.com

BREVEMENTE

Resultado de imagem para mario de carvalho novidade porto editora  Cronovelemas






CLUBE DOS CLÁSSICOS VIVOS

Resultado de imagem para a ilustracasa de ramires asa eça