Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Stone Arabia | Dana Spiotta

por Cláudia Oliveira, em 22.02.16

IMG_8507.PNG

No Goodreads

Minha pontuação 4* 

 

Este livro chamou muito a minha atenção quando o vi nas livrarias. A culpa foi da capa. 

 

A história passa-se nos finais da decada de 70 e inicio da 80. Nik e Denise são irmãos. No começo da história, sabemos que os pais estão separados e eles vivem com a mãe. O pai visita-os esporadicamente e no décimo aniversario de Nik oferece-lhe uma guitarra. Nik decide que quer se cantor e nunca mais larga a guitarra. O pai acaba por morrer e a relação da família quebra-se. Denise cresce sem encontrar o seu verdadeiro talento, fascinada pelo talento do irmão. Já na fase adulta, Nik refugia-se no seu mundo e Denise tenta aproximar-se do irmão e lida com os seus receios. 

 

Adorei este livro. Não conseguia parar de ler. Foi uma fantástica descoberta a cada página. O livro atrai vários questionamentos, de forma subtil, com abertura para os leitores tirarem as suas próprias conclusões. A relação e o afastamento entre os dois irmãos é interessante. A ligação da Denise com a mãe é conturbada. A forma como o Nik tenta relacionar-se sem sucesso é culpa da sua personalidade egocêntrica e frustrada. 

 

O rock marca presença nesta história, a autora faz isso muito bem. São feitas várias referências à cultura pop. Respira-se arte neste livro. 

 

"Não se tratava apenas de Nik ter recebido uma guitarra do pai. Nik pegou na guitarra com todas as suas forças e nunca mais a largou."

 

Apesar do livro ser ficcional, a autora inspirou-se no seu padrasto para criar o personagem Nik. Mas Nik pode representar muitos músicos. Sobretudo, aqueles que não resistiram à fama e procuraram refúgio num lugar solitário. 

 

Suspeitei do final durante todo o livro, mas fui apanhada de surpresa na mesma. 

 

Recomendo a leitores que queiram ler uma história onde a música, frustração e solidão seja um só tema. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)




Mais sobre mim

foto do autor