Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

amulherqueamalivros

"SE EU FOSSE TUA" | MEREDITH RUSSO

IMG_20170501_174009_578.jpg

 

 

Não nego a importância de livros para adolescentes com personagens diferentes dos padrões comuns . São realmente necessárias histórias contadas do ponto de vista de adolescentes com problemas de identidade ou algum tipo de perturbação mental.  Este livro será com certeza importante para muitos adolescentes. Este livro não fala sobre problemas de identidade ou algum tipo de perturbação mental. Este livro conta a história da Amanda, ela nasceu rapaz.

 

O livro é bastante fácil de ler, a linguagem é simples e os constantes diálogos dão imenso ritmo ao livro. Li-o num dia. Os capítulos curtos também ajudaram muito. Só mais um, só mais um,...No entanto, cheguei ao final incomodada com várias coisas nesta história. Perdi as contas às inúmeras vezes que a protagonista é chamada de "linda". Todas a acham linda, ela é linda mas não acredita, tão linda, linda. Na página oitenta já revirava os olhos com a falta de adjectivos por parte da autora. Eu entendo que a autora queria passar a mensagem de "tu és linda, todos somos, não interessa como somos, de quem gostamos". Mas a repetição não é de todo a melhor forma. Muito menos a nota final, cheia de explicações. 

 

É de louvar a coragem da autora em escrever uma personagem diferente da realidade da maioria para ajudar os adolescentes. Ela própria admite que teve medo em escrever esta história. Corajosa. No entanto, é preciso que seja feito com mestria. Não foi o caso. O livro é raso, sem profundidade. Nunca senti a dor da Amanda, nem algum tipo de sentimento. Já li YA suficientes para saber que não precisam de ser assim.

 

O processo de transformação, a tentativa de suicídio, a angústia da Amanda precisava de estar exposta e dilacerar o meu coração. Nem no momento mais dramático o meu coração ficou aos pulos. É muito difícil imaginar o sofrimento de alguém nesta situação. Ou ser mãe de alguém que um dia chega a casa e diz "afinal sou uma menina". Mas gostava de sentir através da literatura essas dúvidas. Reflectir, ficar atormentada. Não aconteceu.

 

Este livro pretende passar uma mensagem bonita, mas de forma pouco intensa. Podia ter sido muito melhor. 

(este livro foi cedido pela editora)

ABRIL | RESUMO DO MÊS

Li 11 livros

8 livros físicos e 3 ebooks

 

11 autores novos [ficar de olho na Sarah Perry]

 

8 mulheres, 4 homens

 

6 nacionalidades  

3 portugueses

6 norte americanos

1 francesa

1 britânico

1 nigeriano

 

 

 

"A Viúva Negra", Daniel Silva

"Paris é Uma Festa", Ernest Hemingway

"A Tua Segunda Vida Começa...", Raphaelle Giordano

"A Serpente do Essex", Sarah Perry

"Gravar as Marcas", Veronica Roth

"Por Treze Razões", Jay Asher

"Para Educar Crianças Feministas", Chimamanda Ngozi Adichie 

"Girlboss", Sophia Amoruso

"No Coração do Império", Alexandra Vidal

"Regresso à  Pequena Ilha", Bill Bryson

"Fui eu Que Fiz", Margaria Garcia

 

 

Projectos

#LerosNossos

#LeiaMulheres 

#NãoFiccao

#Parcerias 

#VEDA

"Leitura Conjunta"

"Especial Romances Históricos"

"Virou Filme"

"Só Mais um Episódio"

 

 

Filmes preferidos: "A Viagem de Chihiro"; "As Sufragistas" e "Brimstone"

Séries preferidas: "Girlboss", "13 Reasons Why" e "Feud"

 

 

Vídeos:

Lista de reprodução VEDA: AQUI

 

Livros comprados: 3

Livros preferidos do mês: "Para Educar Crianças Feministas"; "A Serpente do Essex"

 

Janeiro | Resumo

Fevereiro | Resumo

Março | Resumo

 

 goodreads twitter instagram facebook

 

TBR MAIO | VARIEDADE

 

Decidi colocar vários géneros  literários no mês de Maio. Vou passar a fazer isso todos os meses. 

 

"A Boneca de Luxo", Truman Capote

"O Filho", Philip Meyer

"História da Menina Perdida", Elena Ferrante

"Desaparecidos", Caroline Eriksson

"A Papisa Joana", Donna Woolfolk Cross

"Se Eu Fosse Tua", Meredith Russo

"Homens Imprudentemente Poéticos", Valter Hugo Mãe

 

goodreads twitter instagram facebook

Pág. 6/6