Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




 

Eu sei que muita gente gostou deste filme/livro, mas eu tenho sérios problemas com personagens iguais ao Ove. Adultos resmungões, infelizes, sempre a criticar tudo e todos. O meu problema com pessoas com este temperamento é grande na vida real. Não dá, o mais longe possível. Na literatura é quase igual. Eu sei que ele tem os seus motivos, e que passou muito nesta vida, mas por amor de deus, parece uma criança sem o chupa chupa prometido no Natal. Para além disso o filme/livro está cheio de personagens estereotipadas.

E aquele casamento? O Ove era um parvo deste sempre. Não abria a boca para nada, mal sabia dançar. Uma mulher meiga apaixona-se por ele, mas morre. Toda a gente morre à volta do Ove. E o quê que ele quer fazer? Matar-se. Todo um drama, coitadinho. Trata mal toda a gente e isso é muito engraçado. Não, não é. Ele irritou-me deste o primeiro segundo.

Consegui gostar um bocadinho mais do filme, mas não adorei. E pessoas deste género não merecem tantas oportunidades. Desprezam os outros, desprezam a vida e costumam ser muito egoístas. Tanta gente com problemas...pessoas com problemas superiores e em troca têm sempre um sorriso. Essas sim, valem tudo. Achei o livro aborrecido. Super aborrecido. Salvou-se o gato. 

 

Estreia hoje nos cinemas. Aposto que vão gostar muito. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

De 5 em 5 + Leituras em Andamento (26)

por Cláudia Oliveira, em 22.03.17

 

 

 

Livros lidos mencionados

"A Mãe Eterna", Betty Milan

"O Dia em Que Te Conheci", Rowan Coleman

"O Universo nos Teus Olhos", Jennifer Niven

"A Rapariga de Antes", JP Delaney

"O Meu Livros tem Bicho", Madalena da Luz Costa

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

"O Dia em Que Te Conheci" | Rowan Coleman

por Cláudia Oliveira, em 22.03.17

 

IMG_20170319_104234.jpg

 

Alzheimer é a forma mais comum de demência. A Doença de Alzheimer é um tipo de demência que provoca uma deterioração global, progressiva e irreversível de diversas funções cognitivas (memória, atenção, concentração, linguagem, pensamento, entre outras). 

 

Claire é casada e tem duas filhas. Uma de vinte e outra de três anos. Um casamento praticamente perfeito, uma vida pela frente, até que lhe é diagnosticada Alzheimer. Ela é professora de inglês, precisa de todo o seu conhecimento para a manter activa. A doença começa a danificar as suas memórias e ela precisa de abrir mão de parte da sua vida. No meio dessa confusão surge um homem encantador durante um encontro casual que a mudará, sobretudo a forma como irá encarar o futuro. 

 

O que mais gostei deste livro foi a relação desta família. É um ligação muito forte retratada nesta páginas. As filhas sempre atentas aos passos da mãe. Não deve ser nada fácil ver uma mãe perder as recordações mais preciosas da infância. Vê-la confusa, às vezes perdida.  As recordações doces são o que mais nos deixam um sorriso no rosto em dias pesados. Como será perder esses momentos? Elas mantêm um caderno para escreverem recordações, cheia de pequenos detalhes da vida de ambas. Pequenas passagens emocionaram-me, mas não foi uma experiência de leitura sempre dentro da mesma intensidade.

 

Achei a narrativa fria em alguns momentos e pouco visceral. Algo necessário para um livro com esta temática. Algumas opções da Claire deixaram-me confusa e afastada. Mas é contraditório quando digo que mexeu comigo em algumas passagens. Sobretudo reflexões sobre a vida e a sorte de quem tem belas recordações. E quando a Caitlin escreve sobre a mãe...é muito bonito. 

 

É tocante, triste, mas acaba por ter momentos alegres. Um desequilibro narrativo que não deixa aprofundar a dor de quem passa por esta doença. Afinal, a vida segue mesmo com obstáculos. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

"A Bela e o Monstro", muito FELIZ

por Cláudia Oliveira, em 21.03.17

 Fui ver o filme, ESTE VÍDEO CONTA TUDO O QUE O QUE SENTI.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Especial "Thrillers Psicológicos"

por Cláudia Oliveira, em 20.03.17

 

O meu top de thrillers psicológicos e mais sugestões (novidades!). Espero que gostem!  Adoro o género e estou curiosa para ver as próximas recomendações. 

 

Não percam as sugestões delas ao longo desta semana:

 

 

Amanha  AQUI: Serão no Sofá

Menina dos Policiais

Diário da Chris

Say Hello to My Books

Autoria e outros dados (tags, etc)

"Run The World" | Durante o fim de semana

por Cláudia Oliveira, em 20.03.17

Chorei baba e ranho com a Mandy Moore

Torci o nariz com a Leighton Meester

Enlouqueci com a Jennifer Connelly no seu filme "American Pastoral"

Sorri com a Vírginia Woolf  e com a Rowan Coleman

Entusiasmei-me com Nicola Yoon e o seu "Tudo Tudo e Nós"

Autoria e outros dados (tags, etc)

Livros de Lifestyle: nutrição, meditação, yoga

por Cláudia Oliveira, em 17.03.17

 

 

"Hygge", Anna Skyggebjerg

"O Meu Guru de Bolso"

"Meditação e Mindfulness", Andy Puddicombe

"Abre", Mário Caetano

"Eu Como sem Glúten", Marion Kaplan

"O Meu Plano do Bem", Isabel Silva

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Lançamento | "Regresso à Pequena Ilha" | Bill Bryson

por Cláudia Oliveira, em 17.03.17

Capa_Regresso à Pequena Ilha.jpg

Já está nas livrarias. Eu recebi uma edição do mesmo para ler e partilhar convosco a minha opinião. Este autor está debaixo de olho há algum tempo. Parece ser muito divertido...

 

SINOPSE

 

Regresso à Pequena Ilha, de Bill Bryson, já chegou às livrarias. O livro narra as aventuras de um americano em terras de Sua Majestade, com um tom descontraído e uma abordagem humorística.

 

Depois da reedição de Crónicas de Uma Pequena Ilha, em julho de 2016, a Bertrand Editora disponibiliza agora este livro que ilustra a redescoberta do autor pelo seu país adotivo, duas décadas depois. Ao longo das páginas deste livro, Bryson mostra-nos todos os pubs, vilas de pedra e fraquezas humanas do Reino Unido. Sempre com pormenores vívidos e um humor irresistível.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Claro, Elena Ferrante

por Cláudia Oliveira, em 17.03.17

Fiquei feliz, muito feliz por ver que ela venceu o primeiro lugar. É desta que pego nele, só falta o quarto livro para terminar e despedir-me da Elena e Lila.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Run the World | sugestões

por Cláudia Oliveira, em 17.03.17

- Reencontrar Leighton Meester na série "Making History"

- Matar a curiosidade com Vírginia Woolf e o seu livro "A Viúva e o Papagaio"

- Antes do filme, "Tudo, Tudo e Nós" da Nicola Yoon

- Dramatizar com a Dakota Fanning no seu último filme

Autoria e outros dados (tags, etc)




Mais sobre mim

foto do autor


QUER ANUNCIAR O SEU LIVRO? claudiaoliveira23@gmail.com


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

subscrever feeds