Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Remédios Literários | Ella Berthoud & Susan Elderkin

por Cláudia Oliveira, em 07.06.16

IMG_0347.JPG

 

No Goodreads

Minha pontuação 5*

 

Sofres de depressão? Apanhaste alguma gripe? É hipertenso? Perdeste algum amigo? Foste abandonado? Foste traído? Tenho o livro certo para ti! Chama-se Remédios Literários. Uma edição linda da Quetzal de capa dura, escrito por duas mulheres que se dedicam à biblioterapia.

 

Quando bati os olhos neste livro agarrei-me a ele e nunca mais o larguei. Paguei antes, claro. É aquele género de livro que um leitor precisa de ter na sua estante. Eu estou completamente encantada com esta ideia. Tenho lido aos poucos para deixar-me surpreender. 

 

O livro tem sintomas de A a Z, e cada problema tem a indicação de um ou mais livros. Os livros surgem como remédios. As autores explicam os motivos da sua escolha com um breve texto. Cuidado com os spoilers. Os critérios de escolha são simples: algum personagem do livro pode estar a passar pela mesma situação e/ou a experiência de leitura pode tratar o problema.

IMG_0348.JPG

 

IMG_0349.JPG

 

 

Existem várias listas neste livro. Desde lista de livros para ler após um pesadelo a lista de livros para ler com trinta anos. Também temos dicas para resolver problemas típicos de um amante de livros. Como deixar de comprar livros de forma compulsiva, como parar de abandonar livros, entre outros. Os livros podem ser verdadeiros remédios! Ler pode ser um curativo para a alma!

 

Em Julho, vou iniciar um projecto que consiste em ler os livros indicados neste livro. Vamos? Um projecto chamado Ler é o Remédio. Mais informações brevemente. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Veja Mais Mulheres | A Teacher | Hannah Fidell

por Cláudia Oliveira, em 06.06.16

 

 

A Teacher (4.8IMdb) é um filme da directora Hannah Fidell. Conta a história da relação proibida de uma professora com um aluno. 

 

Eu gostei do filme apesar de ser lento e ter algumas falhas. O final deixa muito a desejar. Senti falta de alguns dialogos e achei algumas cenas desnecessárias. 

 

Acho que a actriz principal deu uma carga emocional forte ao filme. A professora começa a ficar obcessiva, o sofrimento e o medo de ser descoberta está bem retratado. Acho que o tema podia ter sido mais explorado e o filme podia ter tido um resultado muito superior. Pessoalmente adoro ver filmes com esta temática, mas conheço poucos. 

 

Aqui a sugestão de um filme polémico.

Autoria e outros dados (tags, etc)

15 Escritores Que Influenciaram a Minha Vida

por Cláudia Oliveira, em 06.06.16

Sem nenhuma ordem , segue a minha lista.

1. W. Somerset Maugham (mudou o meu olhar em relação às pessoas no geral e em relação a mim em particular)
2. Saramago (fez-me olhar para Deus e para a morte de forma diferente)
3. Samuel Beckett (deixou-me envergonhada com o tempo que gastamos à procura do Godot)
4. Victor Hugo ( nunca tinha conhecido um livro perfeito até ler Os Miseráveis)
5. Dostoievski ( descobri os russos)
6. Jane Austen ( descobri a coragem)
7. Jorge Amado ( ajudou-me na fase mais triste da minha vida)
8. Sandor Marai ( li os seus romances na fase mais libertadora e importante da minha vida)
9. Afonso Cruz ( a beleza das palavras, mais ainda)
10. Elena Ferrante (encontrei-me num livro)
11. George R Martin ( a única série que me prendeu e me transformou numa fangirl)
12. Charlotte Bronte ( deu-me uma das melhores protagonistas da minha vida, Jane Eyre)
13. Eça de Queiroz ( quando as leituras obrigatórias eram um prazer)
14. Virginia Woolf ( quando uma escritora é tão inspiradora...)
15. Chimamanda Ngozi Adochie ( enriqueceu o meu olhar perante a sociedade actual e levantou questões que nunca tinham surgido dentro de mim)

Extra
16. Pepetela (deu-me um bocadinho da cultura do meu marido)
17. Vargas Llosa ( apresentou-me a literatura latino americana)
18. Orhan Pamuk ( o encantamento de ler de forma lenta, muito lenta)
19. Michael Ende (magia para a minha vida)
20. Anne Frank e Primo Levi (e de repente o mundo não é assim tão belo)

Nesta lista estão os meus autores preferidos, os donos do meu coração e sem dúvida aqueles que estiveram presentes nas alturas mais marcantes da minha vida.

Autoria e outros dados (tags, etc)

SPOILER | Impressões | Os Luminares

por Cláudia Oliveira, em 06.06.16

 

 

Moody, um homem com vinte sete anos, chega ao Hotel Crown em Nova Zelândia após uma viagem num navio. Ele vai em busca de ouro e sossego. Assim que entra no Hotel encontra um grupo de doze homens que logo se mostram incomodados com a sua presença. Parece uma reunião.

 

Enquanto pede uma bebida, Moody é interceptado pelo Balfour que o questiona sobre a sua presença. Ele, de forma amistosa, responde a todas as perguntas. Toca em assuntos que o incomoda como a relação com o pai. A história é curiosa, e traça a personalidade do personagem.

 

Balfour tem cerca de cinquenta anos, é um homem humilde, perdeu o pai quando tinha onze anos e tem uma forma desajeitada de meter conversa com desconhecidos. Ele criou uma vidraria e acabou por transformar a sua riqueza numa rede de minas e ainda investiu em acções num banco e construiu três hotéis. Acabou por vender tudo e ir para Nova Zelândia. 

 

Moody vai perceber que o interesse daqueles homens está no comandante Carver do navio que o trouxe até ali. Carver está ligado a uma mulher que foi presa por ter tentado pôr termo à vida. Também vai ficar a perceber que Carver é indicado como o assassino de outro homem. 

 

Balfour vai contar ao Moody os motivos que os levaram àquela reunião. E assim avançamos até ao segundo capitulo.

 

Confuso? Histórias dentro de histórias. Personagens ligados. Mistério, tramas e suspeitas. Apesar de ser um capitulo extenso e da autora divagar muito, parece-me que estamos perante um enredo muito bem elaborado. Vale a pena insistir.

 

Ontem aconteceu a discussão sobre os primeiros cinco capítulos e foi muito bom. Concordamos em relação à narrativa cansativa, mas estamos todos expectantes em relação a esta história que tem cada vez mais mistérios. Está a ser bastante desafiante. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sobre as leituras obrigatórias no ensino escolar

por Cláudia Oliveira, em 02.06.16

Posso mostrar o lado positivo dos livros obrigatórios na escola? Os pais são obrigados a comprar os livros para os lermos. Felizmente, desta forma, tive a oportunidade de ler mais livros numa fase em que os livros eram um objecto só para alguns. Felizmente, dessa forma, tive oportunidade de ter alguns livros numa altura em que pedir livros era algo só para acontecer no aniversário ou no Natal. Pronto, eu não me importava nada com leituras obrigatórias e foram elas que me "salvaram" muitas vezes. Fica aqui um ponto de vista completamente diferente. ♥️🙏🏻 Quem não gostou do livro A Menina do Mar, A Fada Oriana ou O Cavaleiro da Dinamarca?!

 

Resposta a esta notícia

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Preparação Para a Próxima Vida | Atticus Lish

por Cláudia Oliveira, em 01.06.16

image1.JPG

 

No Goodreads

Minha pontuação 3*

 

Uma chinesa chamada Zou Lei é levada de forma ilegal para trabalhar num restaurante chinês em Nova Iorque. Um homem perturbado pela guerra regressa à mesma cidade. A vida de ambos cruza-se, vão desenvolver uma relação sem a chama da paixão, suportado pelo desejo e carência afectiva. 


Com pouco em comum, o autor mostra dois mundos distintos de forma seca e lenta. Que narrativa aborrecida! A leitura não flui, as frases curtas (algumas chegam a ter uma palavra!) e sem emoção deixaram uma grande distância entre mim e os personagens. Não senti conexão com nenhum, apenas uma ligeira empatia com a chinesa. Afinal ela gosta de praticar desporto e de ir ao ginásio e eu também.

Violência, droga, machismo, emigração ilegal, sexo. Estes são ser alguns temas abordados nesta história. Acho que é preciso ser ou ter paciência para chegar ao fim deste livro. Ainda bem que o fiz, porque gostei de algumas reviravoltas. Mas estive quase para abandonar este livro por causa das tiradas machistas e insuportáveis.

Não é um livro que saia por aí a recomendar. Gostei de reflectir sobre alguns aspectos desta história e conhecer o lado sujo de uma cidade que pertence aos sonhos de muitas pessoas. Afinal Nova Iorque não é só e apenas glamour e beleza.

Sinopse numa frase: Nova Iorque é o pano de fundo e a grande protagonista desta história.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Leitura Compartilhada | Os Luminares | Eleanor Catton

por Cláudia Oliveira, em 01.06.16

Hoje começa a leitura conjunta deste livro. Tudo a postos? Um capítulo por dia! A primeira discussão começa daqui a cinco dias, vamos conversar sobre os primeiros cinco capítulos. Domingo, dia cinco, conversamos. Ok? Ok! Desejo a todos os participantes uma excelente leitura. Estamos juntos.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 2/2




Mais sobre mim

foto do autor



subscrever feeds